O que é vento?


O vento é o movimento do ar em torno de nós, gerado por diferenças de pressão na atmosfera da Terra. Ar é um fluído, e, assim como a água, que obedece às leis da dinâmica de fluídos. Ele vai procurar  fluir a partir de uma região de maior pressão para uma de baixa pressão, diz Chris Maier, um meteorologista do Serviço Nacional de Meteorologia americano.

A atmosfera da terra é cheia de ar,   mas de forma desigual, pressurizado, com altos e baixos em vários lugares causados pelo aquecimento desigual da superfície da Terra pelo sol. O ar no Pólo Norte ou Sul é mais frio e mais denso, enquanto o ar no Equador é mais quente e sobe mais facilmente. O ar polar mais frio, mais altamente pressurizado está constantemente a tentar mover para baixo para o Equador para substituir o ar quente subir.

Fonte Foto: Frederic J. Brown/AFP - Destruição causada pelo furacão Isaac pode ser vista na Lousiana e no Mississipi. Na imagem, os fortes ventos derrubam uma árvore em Nova Orleans
Fonte Foto: Frederic J. Brown/AFP – Destruição causada pelo furacão Isaac pode ser vista na Lousiana e no Mississipi. Na imagem, os fortes ventos derrubam uma árvore em Nova Orleans

Isso cria circulação global global da Terra, diz Maier. Há cintos de vento que circundam o planeta ao longo de linhas latitudinais, cada um com características particulares e criando padrões climáticos específicos.

Fonte: Smithsonian 

 

Anterior Experimento converte dióxido de carbono em pedra
Próximo Terra pode ficar seca igual Marte e Vênus por causa dos ventos elétricos

33 Comentários

  1. manoel
    08/09/2016
    Responder
  2. Letícia Vitória Brooke Hansen
    08/09/2016
    Responder

    Na superfície da Terra, o vento consiste no movimento de ar em grande quantidade. No espaço sideral, o vento solar é o movimento de gases e partículas carregadas emitidas pelo Sol através do espaço

  3. Leyli Cabello-Jauregui
    08/09/2016
    Responder

    Há ventos tão fortes que podem até criar um furacão! Devastando cidades e causando pânico na comunidade.

  4. brenda lins de souza
    08/09/2016
    Responder

    Vento é o fluxo de gases em grande escala. Na superfície da Terra, o vento consiste no movimento de ar em grande quantidade. No espaço sideral, o vento solar é o movimento de gases e partículas carregadas emitidas pelo Sol através do espaço, enquanto que o vento planetário é a desgaseificação de elementos químicos leves a partir da atmosfera de um planeta em direção ao espaço. Os ventos são geralmente classificados de acordo com a sua escala, rapidez, tipos de forças que os provocam, regiões em que ocorrem e com o seu efeito. Os ventos de maior intensidade observados no sistema solar ocorrem em Neptuno e Saturno. Os ventos têm várias características, entre as quais a sua velocidade, a densidade dos gases envolvidos e a sua energia eólica.

  5. lara, maria
    08/09/2016
    Responder

    O vento é um fenômeno meteorológico formado pelo movimento do ar na atmosfera. O vento é gerado através de fenômenos naturais como, por exemplo, os movimentos de rotação e translação do Planeta Terra.

  6. Gabriel souza dos santos
    08/09/2016
    Responder

    O vento é o ar em movimento e se forma devido à desigualdade de pressão atmosférica e temperatura. O vento se desloca das áreas de alta pressão para as de baixa pressão. A força do vento depende das desigualdades de pressão: áreas frias têm maior pressão e áreas quentes, menor pressão. Quanto maiores essas diferenças, mais fortes serão os ventos. Os ventos podem ser constantes: os alísios, que sopram nas regiões tropicais, e os polares, que vão dos pólos para as regiões temperadas. Alguns ventos são periódicos: as brisas, frequentes nos litorais, montanhas e vales, e as monções, que atingem o sul e o sudeste da Ásia. Dependendo da região onde sopram, os ventos recebem nomes específicos. Os ciclones são circulares, intensos e formados em regiões tropicais. Furacão é o nome dado ao ciclone que atinge o mar do Caribe e oeste dos EUA. Tufão é o ciclone no sudeste asiático. Tornado é um ciclone de menor diâmetro e maior intensidade. Um tornado pode atingir a velocidade de até 800 km por hora, movimentar-se por vários quilômetros e causar muita destruição. O Brasil está fora da área atingida por esses fenômenos da natureza, pois os furacões quase sempre deslocam-se para o norte do Equador e os tufões, que se movimentam para o sul do Equador, acontecem apenas no oceano Pacífico.

  7. Deborah Loanna
    08/09/2016
    Responder

    o vento sao gases e particulas carregadas e emitidas pelo sol atraves do espaço os ventos sao classificados de acordo com a sua intensidade e direçao em que se movimentam o vento pode ate causar tempestade ou furacao.

  8. felipe
    08/09/2016
    Responder

    e os gases são grandes massas de ar em movimento do nosso corpo esses movimentos pode levar temperatura

  9. Ana carolyne e Luiz Felipe
    08/09/2016
    Responder

    1 Os gases são grandes massas de ar em movimento do nosso corpo.
    2 Esse movimento pode levar temperaturas,chuva,tempestade,neve e granizo.

  10. Bruno e Paulina
    08/09/2016
    Responder

    o vendo é o movimento do ar em torno de nos,exemplo : o vento são grandes massas de ar, O esse movimento pode levar temperatura,chuva,tempestade etc.

  11. BIANCA
    08/09/2016
    Responder

    Vento é o ar em movimento. Ninguém consegue ver o vento, mas conseguimos sentir o toque em nosso corpo, proporcionando uma sensação de bem-estar e alívio. Percebemos também a presença do vento no movimento das folhas das árvores, no balançar da bandeira no mastro, etc.

  12. LARA,MARIA
    08/09/2016
    Responder

    Massas de ar são porções ou volumes da atmosfera que possuem praticamente as mesmas características de pressão, temperatura e umidade por causa de sua localização e são bastante espessas e homogêneas. As massas de ar se formam sobre grandes áreas de terra ou água uniformes, onde não há muito vento.

  13. Hannah Gabriele
    08/09/2016
    Responder

    o ar atmosférico em movimento natural.
    agitação ou corrente de ar produzida artificialmente por meios mecânicos.
    Definição

    O vento é um fenômeno meteorológico formado pelo movimento do ar na atmosfera. O vento é gerado através de fenômenos naturais como, por exemplo, os movimentos de rotação e translação do Planeta Terra.

    Formação do vento

    Existem vários fatores que podem influenciar na formação do vento, fazendo com que este possa ser mais forte (ventania) ou suave (brisa). Pressão atmosférica, radiação solar, umidade do ar e evaporação influenciam diretamente nas características do vento.

    Em regiões mais altas, como no alto de montanhas por exemplo, o vento costuma ser mais forte, pois não há interferências das construções.

    Importância

    O vento é muito importante para o ser humano, pois facilita a dispersão dos poluentes e também pode gerar energia (energia eólica).

  14. Ana Clara De Sousa Mendes
    08/09/2016
    Responder

    o vento é o ar em movimento
    é gerado a partir de fenomenos naturais como o movimento de rotacao e tranlaçao da terra
    em regioes mais altas o vento costuma ser mais forte
    o vento e muito importante para o ser humano pois facilita a dispersao dos poluentes e tambem gerar a energia eolica.

  15. fabio araujo vieira
    08/09/2016
    Responder

    massas de ar são separadas em varias classificações como continental oriental e regional

  16. Laura Lauany Prestes Dos Santos
    08/09/2016
    Responder

    Existem vários fatores que podem influenciar na formação do vento,fazendo com que este possa ser mais forte (ventania) ou suave brisa.pressão atmosférica radiação solar,umidade do ar e evaporação influenciam muito nas caracteristicas do vento.O VENTO É MUITO IMPORTANTE PARA O SER HUMANO,POIS FACILITA A DISPERSÃO DOS POLUENTES E TAMBÉM PODE GERAR ENERGIA(ENERGIA EÓLICA).

  17. -A Benson Hale
    08/09/2016
    Responder

    A massa de ar é um aglomerado de ar em determinadas condições de temperatura umidade e pressão. Uma massa de ar pode ser definida como sendo uma grande porção de ar

  18. Vento é o fluxo de gases em grande escala.Na superfície da Terra,o vento consiste no movimento de ar em grande quantidade.

  19. Leyli Brooke-Hansen
    08/09/2016
    Responder

    Massas de ar são porções ou volumes da atmosfera que possuem praticamente as mesmas características de pressão, temperatura e umidade por causa de sua localização e são bastante espessas e homogêneas. As massas de ar se movimentam pela troposfera devido à diferença de pressão e temperatura caracterizando as áreas de alta e baixa pressão. As áreas de baixa pressão são áreas de grande nebulosidade e precipitação elevada devido ocasionada pela grande instabilidade atmosférica e ao fato de serem receptoras de ventos. Já as áreas de alta pressão são livres de nebulosidade e com maior estabilidade atmosférica, tendendo a temperaturas menores. – A

  20. BRENDA LINS DE SOUZA
    08/09/2016
    Responder

    A massa de ar é um aglomerado de ar em determinadas condições de temperatura umidade e pressão. As massas de ar podem ser quentes ou frias. As quente, em geral, deslocam-se de regiões tropicais e as frias se originam nas regiões polares.

    As massas de ar podem ficar estacionadas, em determinado local, por dias e até semanas. Mas quando se movem, provocam alteração no tempo havendo choques entre massas de ar quente e frio: enquanto uma avança, a outra recua.

    O encontro entre duas massas de ar de temperaturas diferentes dá origem a uma frente, ou seja, a uma área de transição entre duas massas de ar. A frente pode ser fria ou quente. Uma frente fria ocorre quando uma massa de ar frio encontra e empurra uma massa de ar quente, ocasionando nevoeiro, chuva e queda de temperatura.

  21. Lara,Maria
    08/09/2016
    Responder

    Uma massa de ar pode ser definida como sendo uma grande porção de ar, de grande espessura, que apresenta uma certa homogeneidade horizontal. Apresenta propriedades físicas quase uniformes ao mesmo nível, principalmente no que concerne à temperatura e umidade.

    Pressão Atmosférica

    As massas de ar se formam sobre grandes áreas uniformes de terra ou de água, sobre as quais a circulação do vento se faz fracamente. Sob tais condições, o ar próximo à superfície vai, de modos graduais, adquirindo características uniformes que se aproximam daquelas da superfície, enquanto que o ar superior vai se ajustando às condições de temperatura e umidade da superfície. Os principais processos que permitem esse ajustamento são a radiação, a convecção vertical, a turbulência e o movimento horizontal (advecção).

    As massas de ar são, eventualmente, carregadas na circulação geral para longe de suas regiões de origem, na direção de outras partes do mundo. Dessa forma, o ar tropical, quente e úmido, é transportado na direção norte, enquanto que ar polar, frio e seco se desloca para o sul. À medida que as massas de ar se deslocam, tendem a reter usas propriedades, principalmente em altitude. As camadas da superfície modificam-se, em função das superfícies sobre as quais se deslocam.

    Quando duas massas de ar, de regiões de origem diferentes, se encontram, elas tendem a preservar suas identidades físicas, em vez de se misturarem livremente. Como consequência disso, elas criam “frentes” ou “descontinuidades”, ao longo da zona limítrofe. Quando uma frente cruza uma certa região, ocorre, nesta região, uma variação brusca nas propriedades do ar, devida à substituição de um ar pelo outro. É ao longo dessas frentes que ocorrem as principais variações do tempo. A distribuição de temperatura e umidade nas massas de ar exerce efeito de grande importância sobre o tempo.

  22. Gabriel souza dos santos
    08/09/2016
    Responder

    assa de ar, em meteorologia, é um volume de ar definido pela sua temperatura e teor de vapor de água. Cobre centenas ou milhares de quilômetros quadrados e possui as mesmas características da superfície que está abaixo dela. As massas de ar são classificadas de acordo com a latitude e as suas regiões de origem continental ou marítima. As de ar frio são as chamadas massas polares árticas e as de ar quentes são denominadas massas de ar tropical. Massas de ar continentais são secas, enquanto que as marítimas são de monção úmida. Os sistemas frontais separam as massas de ar que têm diferentes densidades e temperaturas. Uma vez que uma massa de ar se move para longe de sua região de origem, fatores como a vegetação e disponibilidade de água numa determinada região podem modificar rapidamente o seu caráter. A dinâmica das massas de ar serviu de base para a Classificação climática de Alisov.[1]

  23. felipe
    08/09/2016
    Responder

    A massa de ar é um aglomerado de ar em determinadas condições de temperatura umidade e pressão. As massas de ar podem ser quentes ou frias. As quente, em geral, deslocam-se de regiões tropicais e as frias se originam nas regiões polares

  24. Luiz Felipe e Ana Carolyne
    08/09/2016
    Responder

    As massas de ar podem ser quentes ou frias. As quente, em geral, deslocam-se de regiões tropicais e as frias se originam nas regiões polares.

  25. GabrieleHannah
    08/09/2016
    Responder

    As massas de ar são grandes porções de ar que apresentam condições internas de temperatura, pressão e umidade relativamente homogêneas, influenciadas pela região onde são formadas.

    O local de formação da massa de ar é denominado região de origem, é neste local que a massa de ar irá adquirir suas características de temperatura, pressão e umidade. Portanto, uma massa de ar que se forma sobre uma superfície gelada, como a Antártida, apresenta características típicas dessa região, ou seja, temperatura baixa, alta pressão e pouca umidade.

    Ao se deslocarem, as massas de ar vão aos poucos, perdendo as suas características de temperatura, pressão e umidade originadas no momento de sua formação. Esse deslocamento ocorre sempre no sentido das altas pressões para as baixas pressões.

    A troposfera (local de movimentação das massas de ar) não é uma camada homogênea. Nela, encontram-se basicamente três tipos distintos de massas de ar que se diferenciam conforme a latitude sobre a qual elas se formaram, podendo ser classificadas em equatorial, tropical ou polar. Dentre essa classificação, diferencia-se ainda em continental (formadas em áreas continentais) ou oceânica (formadas em áreas oceânicas).

    Massas equatoriais – sua formação ocorre nas baixas latitudes, na região próxima da linha do Equador, entre 5° Norte e 5° Sul. Apresentam temperaturas elevadas, quando formadas em áreas oceânicas são úmidas; se formadas em regiões continentais, são menos úmidas.

    Massas tropicais – suas regiões de origem são nas áreas próximas aos trópicos de Capricórnio e Câncer, entre as latitudes 25° e 30° tanto no hemisfério norte como no hemisfério sul. São massas de ar bastante úmidas, no entanto, se formadas em áreas continentais, normalmente, são secas.

    Massas polares – formam-se nas regiões próximas aos polos Sul e Norte, sempre em latitudes superiores a 50° e por esses aspectos, são extremamente frias. A polar continental é mais fria e mais seca; a oceânica é mais úmida.

    Eles tem em comum…
    são correntes de ar.

  26. Andre,Diego
    08/09/2016
    Responder

    Massas De Ar São Grandes Porções De Ar Que Possuem Condições Internas De Temperatura,Pressão E Umidade Homogêneas

  27. BIANCA
    08/09/2016
    Responder

    s de ar são porções ou volumes da atmosfera que possuem praticamente as mesmas características de pressão, temperatura e umidade por causa de sua localização e são bastante espessas e homogêneas.

    As massas de ar se formam sobre grandes áreas de terra ou água uniformes, onde não há muito vento. Assim, o ar vai adquirindo características de acordo com a superfície sobre a qual se encontra. Uma massa de ar localizada sobre um oceano, por exemplo, costuma ser bastante úmida, ao contrário de uma massa de ar formada sobre um continente que, geralmente, é seca.

    Os processos ou fenômenos que fazem com que a massa de ar vá adquirindo características adaptadas à superfície são a radiação solar, a convecção vertical (quando o ar morno próximo à superfície da terra subitamente levanta indo para a camada superior da troposfera e depois retorna em questão de dias), a advecção (movimento horizontal da massa de ar quando uma substitui outra de características diferentes) e a turbulência.

    As massas de ar se movimentam pela troposfera devido à diferença de pressão e temperatura caracterizando as áreas de alta e baixa pressão. As áreas de baixa pressão são áreas de grande nebulosidade e precipitação elevada devido ocasionada pela grande instabilidade atmosférica e ao fato de serem receptoras de ventos. Já as áreas de alta pressão são livres de nebulosidade e com maior estabilidade atmosférica, tendendo a temperaturas menores.

    Duas massas de ar, ao se encontrarem, não se misturam como seria de se esperar, pelo contrário, elas mantêm as características adquiridas no local de origem. Isso faz com que surja uma “frente” ou uma “descontinuidade” ao longo da zona limítrofe das massas de ar (é o que chamamos de “frente fria”, por exemplo, quando duas massas de ar frio se encontram). De qualquer forma, quando uma massa de ar cruza uma região ela causa uma mudança brusca na temperatura por causa da substituição de um ar pelo outro.

    As massas de ar podem ser classificadas de acordo com o local e latitude onde se originam e de acordo com a temperatura em relação à superfície de contato. Quanto ao local de origem, podemos classificá-las em “continental” ou “marítima”, quando se formam sobre continentes ou sobre o mar respectivamente. Quanto à latitude de origem, classificamos as massas de ar em “árticas”, “polares”, “tropicais” ou “equatoriais”. E, quanto à temperatura com relação à superfície de contato (local sobre o qual se encontram no momento), classificamos em “quentes” ou “frias”.

    Fontes
    http://www.iag.usp.br
    http://www.climabrasileiro.hpg.com.br
    Arquivado em: Meteorologia

    by Taboola
    Promoted Links
    Recomendado para você
    Camisa polo Lacoste: 10x de R$10,90 sem juros!offich.com.br
    Saiba como ficar rico com dividendosEmpiricus
    8 truques para aprender um idioma sem perceberBabbel
    Como se tornar uma maquiadora de sucesso em…Maquiadora de Sucesso
    Como controlar as finanças de pequenas empresas:ContaAzul
    Tênis Nike com um desconto que irá surpreender vocês!…Century Outlet
    Lina Medina – A mãe mais jovem do mundo
    Maconha – efeitos da maconha – Drogas
    Che Guevara

  28. Deborah Loanna
    08/09/2016
    Responder

    massas de ar sao grande volumes de ar com caracteristica homogeneas em relaçao a temperatura e vapor d’ agua

  29. Bruno e Paulina
    08/09/2016
    Responder

    1) massas de ar são grandes quantidades de ar.
    2) a relação de massas de ar com o ar, e por que massas de ar são o ar, só que em grandes volumes .

  30. ANA CLARA DE SOUSA MENDES
    08/09/2016
    Responder

    SAO PORCOES OU VOLUMES DA ATMOSFERA QUE POSSUEM PRATICAMENTE AS MESMAS CARACTERISTICAS DE PRESSAO TEMPERATURA OU UMIDADE. AS MASSAS DE AR E O VENTO VAO ADQUIRINDO CARACTERISTICAS DE ACORDO COM A SUPERFICIE SOBRE A QUAL SE ENCONTRA.

  31. BRENDA LINS DE SOUZA
    08/09/2016
    Responder

    As massas de ar se formam sobre grandes áreas de terra ou água uniformes, onde não há muito vento. Assim, o ar vai adquirindo características de acordo com a superfície sobre a qual se encontra. Uma massa de ar localizada sobre um oceano, por exemplo, costuma ser bastante úmida, ao contrário de uma massa de ar formada sobre um continente que, geralmente, é seca.

  32. LAURA LAUANY PRESTES DOS SANTOS
    08/09/2016
    Responder

    São porções ou volumes da atmosfera que possuem praticamente as mesmas características de pressão,temperatura e umidade por causa de sua localização e são bastante espessas e homogêneas.As massas de ar se formam sobre grandes áreas de terra ou água uniformes,onde não há muito vento.o ar em movimento se chama vento.sua direção e velocidade afetam as condições do vento.

  33. manoel santos
    08/09/2016
    Responder

    outra agente externo que modifica o relevo e o vento, que pode ser definido como o ar em movimento.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *